O Escudo

Moedas, selos, histórias do quotidiano e outros coleccionáveis.

quinta-feira, junho 14, 2007

Desabafo

Este regresso é só para assinalar que anda por aí muito boa gente que pede licença (sem vencimento) dos Blogs para se dedicar a outros assuntos menos interessantes como estudos, anunciando o regresso lá mais para Julho. Mas que interrompem o seu exílio para partcipar noutos espaços, como um novo Blog denominado "A Terra do Mata e Queima".
Se ainda os há, os leitores d'O Escudo perdoar-me-ão este desabafo, mas fiquei surpreendido com a participação do GR no referido espaço, juntamete com Nuno Pinto e Coutinho Ribeiro.
Agora mais a sério, passem por , pelo menos para conhecer um pouco mais da freguesia de Soalhães.

3 Comentários:

Às 15/6/07 , Blogger G.R. disse...

Caro Amigo,
Mesmo que tenha sido com o objectivo de me dar uma alfinetada, foi com imenso agrado que te vi, ao fim de mais de quinze dias, colocar um post no “NOSSO” blog. Como bem referes, por esta altura do campeonato, já duvido que alguém venha visitar “ o escudo”sem ser por engano. No contador, grande parte das visitas procuram “gajas nuas”, coisa que, até ver, ainda não existe neste blog.
Num aspecto sou obrigado a dar-te razão: Não fui avante (presumo que gostes desta palavra), com a minha promessa. Mas deves compreender que Soalhães é a minha terra querida. Não podia dizer não.
Espero que “O escudo”, ultimamente tão desprezado, não fique com ciúmes e que tu, que dizes ser um gajo em quem se pode confiar, também não faltes ao prometido.
Voltarei em breve!
Um grande abraço!
PS – Como presumo que te tenhas esquecido, tomei a liberdade de alterar o teu post colocando algumas ligações. Espero que não te importes!

 
Às 15/6/07 , Blogger J.G. disse...

Peço desculpa, mas eu vim cá, como vinha, e não só hoje.
Não me quero é meter no meio de uma aparente zanga.

cumprimentos

 
Às 17/6/07 , Blogger JM Coutinho Ribeiro disse...

A.M. que não conheço e não sei quem seja, perdoe que me meta onde não sou chamado: é claro que tem razão, que o GR, todo lampeiro, interrompeu a licença sem vencimento no Escudo para ir instalar-se no TMQ. Mas é compreensível, caríssimo. Não é todos os dias que temos a possibilidade de colaborar num blogue sobre Soalhães, que é a nossa terra, que sempre foi tão maltratada e que tantas vezes maltratamos. Repare: eu também me tornei excedentário no MH e, nem por isso, deixei de aceitar o desafio do TMQ. São as raízes mais profundas...
Cumprimentos cr

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial