O Escudo

Moedas, selos, histórias do quotidiano e outros coleccionáveis.

domingo, março 18, 2007

Depois de conquistar os mirandeses, Astérix parte à conquista do Médio Oriente

Já está nas livrarias o segundo álbum de Astérix em mirandês, "L Galaton" ("O grande fosso").
Entretanto, Les Editions Albert René pretendem lançar, já em Abril, versões em árabe e em hebreu das aventuras do pequeno gaulês.
Segundo o porta-voz da editora “Astérix transmite os valores universais da tolerância e da partilha. Ele é um herói cujas tradições são laicas.”
À primeira vista, pensei tratar-se de uma boa iniciativa para tentar aproximar os dois povos. Porém, já quando estava a finalizar este post, vi esta notícia no telejornal. Então pensei: “Bolas, mas afinal eu sempre vi o Astérix como um símbolo da autonomia e da resistência ao domínio absoluto por parte dos grandes impérios.”

1 Comentários:

Às 17/4/07 , Blogger prof disse...

holla
rendez vous sur jewisheritage
a bientot
marcel

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial